Dúvidas comuns

Generalidades

Qual é a idade mínima que uma cirurgia para perda de peso é recomendada?
Geralmente, as diretrizes aceitas pela Sociedade Americana para Cirurgia Bariátrica e Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos indicam a cirurgia apenas para pessoas com 18 anos de idade ou mais. A cirurgia já foi realizada em pacientes de 16 anos ou menos. Há uma grande preocupação de que pacientes jovens possam não ter atingido o total desenvolvimento ou maturidade emocional, para tomar este tipo de decisão. É importante que os pacientes jovens da cirurgia bariátrica tenham um total entendimento do comprometimento ao longo da vida com a alimentação alterada e as mudanças de estilo de vida necessárias para o sucesso.

Qual é a maior idade para que uma cirurgia para perda de peso possa ser recomendada?
Os pacientes acima de 65 precisam de indicações muito fortes para a cirurgia e, além disso, devem atender aos rigorosos critérios de cuidados médicos. O risco da cirurgia nessa faixa etária é aumentado e os benefícios em termos de risco reduzido de mortalidade são reduzidos.

A cirurgia para perda de peso pode prolongar minha vida?
Há uma boa evidência por pesquisa científica de que, se você apresentar diabetes tipo 2 (ou outras condições de saúde graves relacionadas à obesidade), estiver no mínimo 50 kg acima do peso corporal ideal e conseguir a conformidade com as mudanças de estilo de vida (exercício diário e dieta com baixo consumo de gordura), a cirurgia para perda de peso poderá prolongar sua vida significativamente.

Por que os exercícios são tão importantes?
Ao passar por um procedimento de cirurgia para perda de peso, você perde peso porque a quantidade de energia dos alimentos (calorias), que você consegue ingerir, é muito menor do que seu organismo precisa para funcionar. O organismo tem de compensar a diferença, queimando as reservas ou tecidos não-utilizados. Seu organismo tende a queimar qualquer músculo não-utilizado, antes de começar a queimar a gordura que acumulou. Se não se exercitar diariamente, seu organismo consumirá seus músculos não-utilizados e você perderá a massa muscular e força. Os exercícios aeróbicos diários, durante 20 minutos, comunicarão seu organismo que você quer usar seus músculos e força-o a queimar as gorduras em lugar de massa muscular.

Qual é a quantidade certa de exercícios após a cirurgia para perda de peso?
Muitos pacientes hesitam sobre fazer exercícios após a cirurgia, mas esse é um componente essencial para o sucesso, após a cirurgia. Na verdade, os exercícios começam na tarde da cirurgia bariátrica - o paciente deve estar fora do leito e caminhando. A meta é andar mais no dia seguinte e progressivamente mais, a cada dia depois disso, incluindo nas primeiras semanas em casa. Em geral, os pacientes são liberados das restrições médicas e incentivados a começar os exercícios, aproximadamente duas semanas após a cirurgia, sendo limitados apenas pelo nível de desconforto da ferida. O tipo de exercício é determinado pela condição geral do paciente. Alguns pacientes que apresentam problemas severos no joelho não podem andar bem, mas conseguem nadar ou pedalar. Muitos pacientes começam com formas de exercício de baixa tensão e são incentivados a progredir para atividades mais vigorosas, quando conseguem.

Posso ficar grávida após a cirurgia para perda de peso?
É muito recomendado que as mulheres esperem, no mínimo, um ano após a cirurgia, antes de ficarem grávidas. Aproximadamente um ano após a cirurgia, seu corpo estará bem estável (de um ponto de vista de peso e nutrição) e você conseguirá gerar um feto alimentado normalmente. Você deve consultar seu cirurgião, ao planejar uma gravidez.

Na verdade, qual será o tamanho da minha bolsa do estômago no decorrer do tempo?
O tamanho pode variar de acordo com o procedimento cirúrgico e cirurgião bariátrico. No gastroplastia com derivação em Y de Roux, a bolsa do estômago é criada com aproximadamente 28 gramas no tamanho (15-20 cc). Nos primeiros meses, ela fica um pouco endurecida, devido à inflamação cirúrgica natural. Aproximadamente de 6 a 12 meses após a cirurgia, a bolsa do estômago pode expandir e se tornará mais dilatável, conforme o inchaço diminui. Muitos pacientes acabam com uma capacidade de alimentação de 84 a 196 gramas.

O que os grampos fazem dentro de meu abdômen? Não terei problemas no futuro, se fizer uma ressonância magnética? Dispararei os detectores de metal nos aeroportos?
Os grampos usados no estômago e intestinos são muito finos em comparação aos grampos que podem haver em sua pele ou que você usa no escritório. Cada grampo é um pedaço fino de aço inoxidável ou titânio tão pequeno, que é difícil de ver a não ser como um fino ponto brilhante. A maioria das pessoas não é alérgica aos grampos, pois os metais usados (titânio ou aço inoxidável) são inertes ao corpo, e eles geralmente não causam quaisquer problemas no decorrer do tempo. Os materiais do grampo também são não magnéticos, o que significa que eles não serão afetados pela ressonância. Os grampos não dispararão os detectores de metal dos aeroportos.

E se eu não sentir fome após a cirurgia para perda de peso?
É normal não ter apetite, durante um ou dois meses após a cirurgia para perda de peso. Se conseguir consumir líquidos razoavelmente bem, há um nível de confiança de que seu apetite aumentará com o tempo.

Há alguma dificuldade em tomar medicamentos?
A maioria das pílulas ou cápsulas é pequena o suficiente para passar através da nova bolsa do estômago. Inicialmente, seu médico pode sugerir que os medicamentos sejam tomados em forma de líquido ou esmagados.

Conseguirei tomar contraceptivo oral após a cirurgia?
A maioria das pacientes não tem dificuldades em engolir essas pílulas.

A atividade sexual é restrita?
Os pacientes podem voltar a ter relações sexuais normais, quando a cicatrização e desconforto da ferida permitirem. Muitos pacientes sofrem uma queda na libido, por aproximadamente 6 semanas.

Há alguma diferença no resultado da cirurgia de obesidade entre homens e mulheres?
Em geral, tanto homens quanto mulheres respondem bem a essa cirurgia. Geralmente, os homens perdem peso um pouco mais rápido que as mulheres.

Terei de parar de fumar?
Os pacientes são incentivados a parar de fumar, no mínimo, um mês antes da cirurgia.

Se eu continuar fumando, o que acontece?
Após a cirurgia, o tabagismo aumenta o risco de problemas no pulmão, pode reduzir o índice de cicatrização, aumenta os índices de infecção e interfere na irrigação sangüínea para os tecidos em cicatrização.

Como posso saber se não vou continuar perdendo peso até sumir?
Talvez os pacientes comecem a imaginar isso, logo após a cirurgia, quando estão perdendo 10-20 kg por mês, ou quando perderem mais de 50 kg e ainda estiverem perdendo peso. Duas coisas acontecem para permitir que o peso se estabilize. Primeiro, as necessidades metabólicas contínuas de um paciente (calorias queimadas) diminuem, à medida que ele perde os quilos excessivos. Segundo, há um aumento progressivo natural na ingestão de calorias e nutrientes, ao longo dos meses após a cirurgia para perda de peso. A bolsa do estômago e o intestino delgado ligado aprendem a funcionar melhor juntos, além disso há alguma expansão no tamanho da bolsa, no decorrer de um período de meses. A linha de base é que, na ausência de uma complicação cirúrgica, é improvável que os pacientes percam peso a ponto de apresentar má nutrição.

O que posso fazer para prevenir o excesso de pele flácida?
Muitas pessoas, pesadas o suficiente para atender aos critérios cirúrgicos da cirurgia bariátrica, esticaram sua pele além do ponto em que pode "voltar ao normal". Alguns pacientes escolherão fazer uma cirurgia plástica, para remover a pele solta ou excessiva, após terem perdido seu excesso de peso.

Exercícios ajudarão em relação ao excesso de pele flácida?
Exercícios são tão bons de qualquer maneira, que um programa de exercícios regulares será recomendado. Infelizmente, a maioria dos pacientes ainda pode continuar com sobras de pele solta.

Sentirei muita fome por não estar comendo muito após a cirurgia para perda de peso?
A maioria dos pacientes diz que não. Na verdade, durante as primeiras 4-6 semanas, os pacientes quase não têm apetite. No decorrer dos vários meses seguintes, o apetite volta, mas não tende a ser voraz, do tipo "comer tudo que há no armário".

E se eu estiver realmente faminto?
Em geral, isso é causado pelos tipos de alimento que talvez você esteja consumindo, especialmente amidos (arroz, massas, batatas). Assegure-se absolutamente de não beber líquido ao se alimentar, pois o líquido lava os alimentos para fora da bolsa.

Terei de mudar meus medicamentos?
Seu médico determinará se os medicamentos para pressão sanguínea, diabetes, etc. podemrão ser eliminados, quando as condições para as quais são tomados melhorarem ou forem solucionadas, após a cirurgia para perda de peso. Para os medicamentos que precisarem ser continuados, a vasta maioria deles pode ser engolida e absorvida, bem como funciona da mesma maneira que antes da cirurgia bariátrica. Geralmente, não é necessário mudar a dose. Duas classes de medicamentos, que devem ser usados apenas sob recomendação de seu cirurgião, são diuréticos (pílulas para retenção de líquido) e NSAIDs (a maioria dos medicamentos OTC para dor). NSAIDs (ibuprofeno, naproxeno, etc.) podem gerar úlceras na pequena bolsa ou intestino ligado. A maioria dos medicamentos diuréticos provoca a perda de potássio nos rins. Como a maioria dos pacientes de cirurgia bariátrica reduzem sua absorção de alimentos, eles não conseguem retirar potássio suficiente do alimento para compensar essa perda. Se os níveis de potássio ficarem muito baixos, isso pode causar problemas cardíacos fatais.

O que é uma hérnia e qual é a probabilidade de uma hérnia abdominal ocorrer após a cirurgia?
Hérnia é uma fraqueza na parede do músculo, por meio do qual um órgão (geralmente o intestino delgado) pode avançar. Aproximadamente 20% dos pacientes desenvolvem uma hérnia. A maioria deles precisa uma correção no tecido herniado. É comum o uso de uma malha reforçada, para sustentar a correção.

A transfusão de sangue é necessária?
Raramente. Em geral, é feita após a cirurgia para promover a cicatrização, se necessário.

O que é flebite? É evitável?
É a coagulação sanguínea indesejada nas veias, especialmente na panturrilha e pélvis. Não é completamente evitável, mas medidas preventivas serão tomadas, incluindo:
1. Tratamento prévio ambulatorial
2. Uso de meias elásticas especiais
3. Afinadores de sangue
4. Botas pulsáteis
Perderei cabelo após a cirurgia de obesidade? Como posso prevenir isso? Muitos pacientes sofrem uma certa perda ou raleamento de cabelo, após a cirurgia. Geralmente, ocorre entre o quarto e oitavo mês, após a cirurgia. A ingestão consistente de proteína, na hora das refeições, é o método de prevenção mais importante. Também se recomendada um complemento diário de zinco e um bom volume diário de ingestão de líquidos.

O crescimento do cabelo se recupera?
A maioria dos pacientes apresenta o recrescimento natural do cabelo, após o período inicial de queda do cabelo.

O que são aderências? Elas se formam após essa cirurgia?
Aderências são tecidos com cicatrizes, que se formam dentro do abdômen, após a cirurgia ou lesão. As aderências podem se formar após qualquer cirurgia no abdômen. Para a maioria dos pacientes, elas não são extensivas o suficiente para causar problemas.

O que é "Síndrome de Cândida"?
Alguns pacientes possuem um tipo de levedura na superfície de sua pele, intestino ou vagina, no momento da cirurgia. Isso ocasiona o supercrescimento em determinadas circunstâncias. Um revestimento esbranquiçado pode ocorrer na língua ou garganta. Essa síndrome está associada a uma mucosa espumante, náusea, dificuldade de engolir, garganta irritada, perda de paladar e apetite, bem como ocasionalmente inchaço abdominal e diarréia.

O que provoca essa síndrome?
Ela é promovida pelo uso da maioria dos antibióticos e alguns outros medicamentes, devido ao estresse, redução da resposta imune e diabetes.

Ela pode ser curada?
Atualmente, há diversos medicamentos eficazes disponíveis para tratar o supercrescimento de Cândida.

O que é apnéia do sono (SA)?
É a interrupção do padrão normal de sono associada aos atrasos repetidos na respiração. A apnéia do sono geralmente demonstra uma rápida melhoria, após a cirurgia. Na maioria dos pacientes, há uma solução completa dos sintomas por seis meses, após a cirurgia.

E as cirurgias plásticas
Nem todos os operados necessitam ou querem fazer cirurgia plásticas, mas sempre deve-se aguardar pelo menos 1 ano da cirurgia da obesidade, para iniciar as plásticas.

A cirurgia para perda de peso pode ajudar em outras condições físicas?
De acordo com pesquisas recentes, a cirurgia para perda de peso pode melhorar ou solucionar as condições de saúde associadas.



 
 

Rua Catequese, 433 - Bairro Jardim -Santo André - SP - CEP: 09090-400
Fone: (11) 2842-2222

Site desenvolvido dentro dos padrões WEB - Tableless
Copyright - Grupo Ana Rosa Ltda. - Todos os direitos reservados
Melhor visualizado em 1024 X 768